quarta-feira, 28 de abril de 2010

INSTITUIÇÕES SOCIAIS - CONCEITO

Os indivíduos de nossa espécie é marcada por uma extrema incapacidade nas idades iniciais. Ao nascer não somos capazes de nos alimentar, de nos defender etc.

Isto nos torna bastante dependente dos demais indivíduos.

Para garantir que nossa espécie possa sobreviver foram criados mecanismos que permitem o acolhimento dos individuos que nascem.

Este mecanismo, genuinamento social, chama-se família e é uma instituição social.

Asism como a familia, as demais instituições sociais são instrumentos criados pela sociedade para dar contra de alguns problemas. Isto que dizer que as instituições atendem algumas funções.

Para ser mais preciso, definimos as insituições sociais como as regras que organizam respostas coletivas (ou seja, sociais) para atender a necessidades ou problemas sociais.

É claro que nós reconhecemos imediatamente algumas organizações com instituições. As escola, o Estado, As empresas (instituições economicas), etc.

Todas estas são instituições burocráticas, ou seja, detêm um estatuto próprio, geralmente comvalor jurídico, e um corpo de funcionários encarregados de fiscalizar o funcionamneto da instituição.

Mas é bom perceber que nossa definição dá conta de outros fenômenos sociais (cuja origem é a própria sociedade) que também são instituições sociais.

O luto por, exemplo, é uma instituição social.
O luto inclui um conjunto de regras que definem tanto uma etiqueta apropriada (uma tristeza, roupas apropriadas, palavras de conforto) quanto itens rituais (religiosos-cultos e missas e profanos-o velório) e um período de recolhimento das pessoas mais próximas do falecido.

O luto por sinal permite uma aproximação mais preciso do conceito de instituições sociais que oferecemos acima.

Pesnsemos na questão das regras. As instituições sociais são antes de mais nada regras. Sendo regras organizadas elas também implicam em punição. Toda insituição pode impor ao indivíduos algum tipo e grau de punição.

Voltemos ao luto. A punição do luto é feita através de sanções morais. Um filho que não se apresenta ou que não se mostra entristecido durante o ritual do luto do seu pai será considerado pelas pessoas próximas com um filho de caráter duvidoso.

Na medida em que o luto é uma instituição ele também dá conta de atender alguma necessidade. É a necessidade de dar um sentido e um conforto diante do fato inevitável da morte.


Instituições social e a vida em sociedade

Acima dissemos que os individuos de nossa espécie nascem incapaz de sobreviver sozinhos. Se isto ocorre não é apenas porque não saberíamos nos defender. Mas do que isto não temos nem mesmo consciência do mundo que nos rodeia.

Assim, uma condição para a nossa sobrevivência é a nossa capacidade de aprender.

Contraste nossa espécie com as tartarugas. As tartarugas ao nascer se dirigem institivamente ao mar. Já sabem aonde irão, sabe do que irão se alimentar, quais os seus predadores, etc.

Nós precisamos que alguem nos mostre, nos diga, nos ensine tudo o que é necessário para a nossa existência.

Neste caso, ensinar equivale a socializar que, por sua vez, quer dizer interiorizar as regras da sociedade que, na verdade, são as próprias instituições sociais.

Isto significa que nossa vida acontece em meio a várias instituições. E cada uma delas vai nos ensinando e de certa forma vai nos aprovando ou não para as demais instituições.

Por isto é que nós podemos dizer que o percurso que fazemos desde o nossa origem até o nosso destino é mediado pelas instituições. E esta trajetória depende da nossa capacidade de se adaptar às regras que estão organizadas na forma de instituições sociais.

Foi o que nós vimos através da dinâmica da história das crianças.


19 comentários:

  1. valeu professor por sua preocupassÂo

    ResponderExcluir
  2. Meus caros não se esqueçam de se identificar com o nome, número e turma.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  3. Professor Emanuel, pelo que eu entendi, as instituições são antes de tudo regras que põem em ordem uma sociedade.

    Está certo?

    Liceu maranhense, turma 304, matutino.

    ResponderExcluir
  4. É isso mesmo lucas.

    Mas é importante definir o que significa esta ordem.

    O fato de termos uma sociedade que se reproduz não quer dizer que não há movimentos de mudança.

    Se pegarmos um tempo razoável de história, digamos uns cem anos, veremos que a sociedade conseguiu se reproduzir mas ao mesmo tempo se modificou.

    É bom perceber isto. Nossa ordem não significa ausência de conflito ou mudança...

    Um abraço Lucas.

    ResponderExcluir
  5. No caso, essas regras antes de mais nada, são feitas para nos ajudar. Se elas não existissem tenho certeza que a nossa sociedades iria ser totalmente desorganizada, porque ao nascermos ainda não sabemos de nada e precisamos delas para nos "orientar" a como viver em sociedade'

    Liceu maranhense, turmas 305, turno matutino.

    ResponderExcluir
  6. Se tendo regras a sociedade brasileira eh essa tristeza, imaginemos nós sem tais regras...

    ResponderExcluir
  7. Iago (ponha a sala e o número, por favor) e Rafa França,

    Um dos fundamentos da sociologia tal como nós podemos discutir no ensino médio, é uma idéia que tem um conteúdo lógico.

    É a seguinte, o todo (a sociedade) é maior (e anterior) que as partes (os individuos) que o compõe.

    A consequencia disto é que a sociedade é algo diferente de nós e que de certa forma nos domina.
    Ocorre que ela é feita com todos nos lutando, de certa forma dentro dela,e isto faz da sociedade um fenômeno dinâmico.

    Quando as coisas mudam muito rápido, como hoje em dia, a sociedade acaba não criando as condições para que as pessoas possam definir claramente as regras que devem orientar suas vidas. (vejam na wikipedia o conceito de ANOMIA, de Durkheim).

    A conclusão é que sempre existirão regras na sociedade, ela é basicamente isto.

    Entretanto, mesmo com as regras, a sociedade só tem vida porque ha conflito, porque cada um de nós irá buscar a defesa de interesses que irão se chocar com interesses de outros.

    Isto não é problema, o problemas é se as instituições não funcionarem: se não houver emregos, se as famílias não quiserem assumir a educação dos fihos, etc.

    ResponderExcluir
  8. Oii professor...

    Estava lendo os comentários e notei que as instituições estão presentes no nosso primeiro momento de vida... Sem mesmo que a gente saiba o que são as instituiçoes.

    Todas são fundamentais!!!

    ResponderExcluir
  9. Aiii.. professor, desculpa!!

    Eh Vania Cristina, Turma 304 matutino

    ResponderExcluir
  10. Prof. de acordo com o fragmento do texto:"As instituições são antes de mais nada regras".Percebemos em nosso cotidiano como esssas "regras" vem sendo contrariadas pelas pessoas, como na familia por exemplo.

    Por isso entendo que a instituição deve além de conceito,ser na prática realizada com respeito e consciência de todos os cidadãos que necessitam de uma sociedade mais justa!(problema que o brasileiro tanto questiona)

    Naruna, Turma 304 MAT

    ResponderExcluir
  11. bem,profesor!"inntituições socias"(principalmente a família)são regras ou ensinamentos que nos prepara para viver em sociedade.

    ResponderExcluir
  12. desculpa professor !esquecir de colocar a turma!=]
    305 matutina ,Raymison de sousa!

    ResponderExcluir
  13. Pra mim tudo começa na educação do nosso país,como a maioria das escolas públicas
    hoje em dia não levam aos alunos uma boa educação,comprometendo asssim todo um
    futuro desse estudante,estando ele portanto despreparado para engrenar nomercado de
    trabalho que hoje em dia é muito mais concorrido e rigoroso na hora de escolher um
    funcionário.
    Já as pessoas que não se empregam não conseguem se estabelecer por muitos motivos,
    como a falta de um planejamento familiar em sua infância que resulta na falta de condição
    dessa pessoa se organizar com seu salário.Outro fator é que em nossa época moram-se
    muitas pessoas em uma só casa,sendo que poucos estão empregados,e essas sustentam
    todas as outras complicando assim a sua independêcia econômica.




    Neandro Caio Santos Brenha
    TURMA:307mat
    NÚMERO:33

    ResponderExcluir
  14. bom usei esta presquisa para um trabalho escolar e eu gostei muito do resultado pois aprendir muito com vc!!!

    ResponderExcluir
  15. como as instituições sociais nos influenciam (relação individuo/sociedade)?

    ResponderExcluir
  16. adorei as aula sobre instituicoes sociais aprendi bastate
    sobre elas

    ResponderExcluir
  17. gostei muito, foram claras e diretas, aprendi muito, obrigado!!

    ResponderExcluir

Olá,
Fique a vontade para usar este espaço, ele é seu.
Peço apenas que evite o plágio.
Este espaço só terá sentido se o seu texto expimir o seu pensamento.
No mais: Desus é bom, e isto basta!

Pesquise aqui

Carregando...

Arquivo do blog